Eficiência econômica da arbitragem no Brasil: à luz da proteção à informação dos litigantes

  • Kátia Silene Sarturi

Resumo

O artigo trata de um tema caro aos litigantes, notadamente quando se envolvem na contenda vultosas quantias de dinheiro ou mesmo informações essenciais para determinado campo negocial. Sob o prisma de uma análise econômica do direito, que destaca o valor da informação, verifica-se a possibilidade de
tal informação ser acessada por terceiros, em face da publicidade de um processo judicial. Por outro lado, mesmo sendo o processo arbitral meio alternativo de solução de litígios mais oneroso para as partes, ainda assim em face da celeridade e da confidencialidade, ladeada de outras características, tem despertado atenção crescente no Brasil, que se vale de tal forma de solução de litígios, seja no campo nacional ou internacional.

##submission.authorBiography##

Kátia Silene Sarturi

Procuradora Municipal do Município de Campo Grande- Mato Grosso do Sul, Mestre em Direito do Estado – UNIFRAN
– Franca/SP, Especialista em Direito Civil - UERJ/UNAES e Aluna do Programa de Doutorado em Direito do Centro Universitário de
Brasília – UniCEUB.

Publicado
2019-06-25
Como Citar
SARTURI, Kátia Silene. Eficiência econômica da arbitragem no Brasil: à luz da proteção à informação dos litigantes. Revista Jurídica da UniFil, [S.l.], v. 14, n. 14, p. 167-176, jun. 2019. ISSN 2674-7251. Disponível em: <http://periodicos.unifil.br/index.php/rev-juridica/article/view/1070>. Acesso em: 01 dez. 2020.
Seção
Artigos

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##