Controle de qualidade e perfil de dissolução comparativo de comprimidos contendo hidroclorotiazida

  • Renata Micheli Martinez UEL
  • Marcela Maria Baracat
  • Ana Paula Novelli
  • Carolina Saori Yamashita
  • Daniel de Paula Martins Junior
  • Danieli de Fatima Sibioni
  • Gabriela Fonseca R. Leonel Caetano
  • Gabriele Inacio Oliveira
  • Isabela Bueno Goncalves Ferraz
  • Isabela Simoes Oliveira
  • Jean Lucca Myamoto Araujo
  • Juliana Dias Sepulveda
  • Leticia Carvalho
  • Mayra Bocchi
  • Nathane Stuani Taketa
  • Rhye Lessa Ishikawa
  • Vinicius de Melo Milani
  • Wellintom Ricardo Yuki Yokoyama

Resumo

A hidroclorotiazida é um fármaco utilizado para o tratamento da elevação sustentada da pressão dos vasos sanguíneos, sendo indicado para a diminuição de edemas e insuficiência cardíaca congestiva. De acordo com o órgão regulamentador no Brasil, Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), antes que os medicamentos sejam liberados para uso, a indústria farmacêutica deve atender às especificações de qualidade dos medicamentos, porém, o consumo de medicamentos falsificados, contrabandeados ou sem registro vem crescendo no Brasil. Neste contexto, o objetivo desse trabalho foi avaliar a qualidade e realizar estudo de perfil de dissolução comparativo entre comprimidos contendo hidroclorotiazida 25 mg, referência, genérico e similar, estes dois obtidos no Sistema Único de Saúde de Londrina, uma vez que é um dos medicamentos mais utilizados no tratamento da hipertensão arterial. Os resultados dos testes de peso médio, dureza, friabilidade, teor, uniformidade de doses unitárias e teste de dissolução indicaram que as indústrias cumprem com a qualidade destes produtos disponibilizados no mercado. Com relação ao perfil de dissolução, o qual visa avaliar o fator de semelhança F2, o medicamento similar não apresentou um perfil semelhante quando comparado ao medicamento referência. Todavia, para garantir a bioequivalência dos medicamentos testados, é necessária a realização da próxima etapa, os ensaios in vivo. Por fim, destaca-se a importância e necessidade do monitoramento constante da qualidade dos medicamentos comercializados por meio de estudos comparativos, para garantir a manutenção das especificações e a equivalência terapêutica.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Docente do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL. E-mail para correspondência: renatamimartinez@gmail.com

Marcela Maria Baracat

Docente do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Ana Paula Novelli

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Carolina Saori Yamashita

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Daniel de Paula Martins Junior

Acadêmico do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Danieli de Fatima Sibioni

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Gabriela Fonseca R. Leonel Caetano

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Gabriele Inacio Oliveira

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Isabela Bueno Goncalves Ferraz

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Isabela Simoes Oliveira

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Jean Lucca Myamoto Araujo

Acadêmico do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Juliana Dias Sepulveda

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Leticia Carvalho

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Mayra Bocchi

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Nathane Stuani Taketa

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Rhye Lessa Ishikawa

Acadêmica do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Vinicius de Melo Milani

Acadêmico do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Wellintom Ricardo Yuki Yokoyama

Acadêmico do Curso de Farmácia da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Publicado
2020-12-11
Como Citar
MARTINEZ, Renata Micheli et al. Controle de qualidade e perfil de dissolução comparativo de comprimidos contendo hidroclorotiazida. Revista Terra & Cultura: Cadernos de Ensino e Pesquisa, [S.l.], v. 36, n. 71, p. 25-39, dez. 2020. ISSN 2596-2809. Disponível em: <http://periodicos.unifil.br/index.php/Revistateste/article/view/961>. Acesso em: 27 jan. 2021.
Seção
Artigos