Insuficiência cardíaca congestiva em cães: atualização terapêutica – revisão de literatura

  • Suellen Alves de Queiroz UniFil
  • Ana Paula Maingué UniFil
  • Patrick Eugênio Luz UniFil

Resumo

A Insuficiência Cardíaca Congestiva (ICC) ocorre quando o coração já não é mais capaz de fornecer a quantidade necessária de sangue ao organismo, ou seja, quando perde sua capacidade de bombear o sangue. Inicialmente, os sintomas podem ser silenciosos e incluem tosse, dificuldade em respirar, intolerância a exercícios, falta de energia, diminuição do apetite, emagrecimento e síncope. De modo geral, a ICC acomete os animais de meia-idade a idosos. Porém, existem problemas cardíacos congênitos, que são menos comuns, e manifestam-se quando os animais ainda são jovens, entre três e cinco meses de idade. Existem duas doenças cardíacas de grande importância: a insuficiência valvar (doença das válvulas cardíacas) e a cardiomiopatia dilatada (doença do músculo cardíaco) em cães. Após o diagnóstico da Insuficiência Cardíaca Congestiva (ICC) e de sua causa, deve ser realizada a adequação do tratamento medicamentoso para cada animal de acordo com a causa e os sinais clínicos apresentados, pois existem diversos medicamentos para o tratamento que deve ser individual para cada animal.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Discente do curso de Medicina Veterinária pelo Centro Universitário Filadélfia – UniFil. e-mail: suhvet@edu.unifil.br

##submission.authorWithAffiliation##

Discente do programa de Pós-Graduação em Ciência Animal da Universidade Estadual de Londrina, e-mail: ana.paula.maingue@uel.br

##submission.authorWithAffiliation##

Orientador Professor Especialista do curso de Medicina Veterinária pelo Centro Universitário Filadélfia – UniFil, e-mail: patrick.luz@unifil.br

Publicado
2022-11-24
Como Citar
QUEIROZ, Suellen Alves de; MAINGUÉ, Ana Paula; LUZ, Patrick Eugênio. Insuficiência cardíaca congestiva em cães: atualização terapêutica – revisão de literatura. Revista Terra & Cultura: Cadernos de Ensino e Pesquisa, [S.l.], v. 38, n. 75, p. 139-152, nov. 2022. ISSN 2596-2809. Disponível em: <http://periodicos.unifil.br/index.php/Revistateste/article/view/2490>. Acesso em: 29 mar. 2023.
Seção
Artigos