Os benefícios dos simbióticos na melhora da obstipação intestinal crônica

  • Eliane Zanin Trindade Centro Universitário Filadélfia (UniFil)
  • Lucia de Oliveira Xavier Barbosa
  • Dâmaris Baldassarre Cortez Centro Universitário Filadélfia (UniFil)

Resumo

Introdução:Os probióticos são uma preparação ou um produto contendo microorganismos definidos que exercem efeitos benéficos sobre a saúde.Os prebióticos (FOS) são definidos como substâncias que, quando ingeridas, não são digeridas e absorvidas no intestino delgado, e estimulam seletivamente uma bactéria ou grupo de bactérias da microbiota (por exemplo, bifidobactérias), proporcionando efeito benéfico à saúde do hospedeiro. Os Simbióticos são resultantes da combinação de culturas probióticas contendo quatro cepas com substâncias prebióticos (FOS). Lactofos é a junção da fibra prebiótica com as culturas probióticas, que em sinergia, tem um efeito benéfico no organismo, reconstituindo e reequilibrando a flora intestinal de forma natural. Justificativa: Observam-se que pacientes em hemodiálise, possuem algum distúrbio gastrointestinal, entre eles obstipação intestinal. Objetivo geral: Verificar as funções fisiológicas dos simbióticos contendo probióticos (quatro cepas) e prebiótico (FOS), na regulação do intestino em pacientes adultos com obstipação intestinal. Quanto ao objeto em estudo: simbióticos. Quanto ao produto utilizado: Consumo do produto Lactofos ® fabricado pela SKL – Pharma composto por Lactobacillus casei, Lactobacillus rhamnosus, Lactobacillus acidophilus e Bifidobacterium e frutooligossacarídeo (FOS).Quanto à população a ser estudada: Pacientes portadores de insuficiência renal crônica durante todo experimento, os pacientes foram monitorados e avaliados a fim de garantir o efeito do agente funcional . Quanto à amostra: O presente projeto selecionou 20 pacientes com IRC, com obstipação. Os critérios de julgamento da seleção amostral se deram por meio do perfil dos indivíduos quanto ao hábito intestinal, inquérito alimentar, idade, sexo, altura e peso, conforme as seguintes características: critério de inclusão e exclusão. Quanto aos procedimentos: A administração foi diária, com duração de 16 (dezesseis) dias. Resultados: melhora na consistência 84,21% das fezes, frequência 78,94%, sintomas gastrointestinais, melhora significativa quanto à dor e esforço. Conclusão: Percebe-se que após a ingestão do simbiótico (Lactofos®) houve melhora na obstipação intestinal dos pacientes.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Discentes do curso de Graduação em Nutrição do Centro universitário Filadélfia de Londrina.

Lucia de Oliveira Xavier Barbosa

Discentes do curso de Graduação em Nutrição do Centro universitário Filadélfia de Londrina.

##submission.authorWithAffiliation##

Orientadora: Prof. Dâmaris Baldassarre Cortez Especialista em Nutrição Clínica.

Publicado
2018-07-18
Como Citar
TRINDADE, Eliane Zanin; BARBOSA, Lucia de Oliveira Xavier; CORTEZ, Dâmaris Baldassarre. Os benefícios dos simbióticos na melhora da obstipação intestinal crônica. Revista Terra & Cultura: Cadernos de Ensino e Pesquisa, [S.l.], v. 28, n. 55, p. 53-62, jul. 2018. ISSN 2596-2809. Disponível em: <http://periodicos.unifil.br/index.php/Revistateste/article/view/199>. Acesso em: 24 fev. 2021.
Seção
Artigos