Conscientização e cooperação nos comportamentos pró-ambientais: a conservação da água em foco

  • Rafael Medeiros de Andrade Colégio Pedro II

Resumo

Conservar o meio ambiente envolve certo custo (em termos de tempo e de ações) por parte dos indivíduos, ao mesmo tempo em que sofrem influências dos grupos (em termos de crenças, ideias e valores) aos quais pertencem. O objetivo da presente investigação foi comparar as respostas de indivíduos que trabalhavam ou estudavam na área ambiental (grupo de ambientalistas, n=158) com as respostas de pessoas que não trabalhavam nem estudavam qualquer tema nessa área (grupo neutro, n=180), sendo todos os participantes residentes na cidade do Rio de Janeiro. Foi utilizado um questionário (survey) com 59 perguntas que buscavam avaliar o engajamento dos indivíduos em comportamentos pró-ambientais relacionados à conservação da água residencial em termos das crenças e dos comportamentos. Os resultados indicaram que houve diferença significativa entre os grupos em relação às crenças, com mais respostas de crenças pró-ambientais no grupo dos ambientalistas. No entanto, não houve diferença significativa entre os grupos no que se refere aos comportamentos pró-ambientais praticados pelos participantes. Uma conclusão preliminar é que os comportamentos pró-ambientais no uso da água residencial envolvem um dilema social: situações pelas quais os interesses individuais estão em conflito com os interesses do grupo. Isso leva à reflexão sobre o papel que os gestores desempenham em uma cidade ou grupo social.

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##

Doutor em Psicologia Social (UERJ); docente de geografia no Colégio Pedro II; graduando em Psicologia (UVA): andrader@cp2.g12.br

Publicado
2021-06-14
Como Citar
ANDRADE, Rafael Medeiros de. Conscientização e cooperação nos comportamentos pró-ambientais: a conservação da água em foco. Revista Terra & Cultura: Cadernos de Ensino e Pesquisa, [S.l.], v. 37, n. 72, p. 206-230, jun. 2021. ISSN 2596-2809. Disponível em: <http://periodicos.unifil.br/index.php/Revistateste/article/view/1591>. Acesso em: 17 ago. 2022.
Seção
Artigos