A “crise” do sindicalismo no contexto do neoliberalismo, da globalização e da reestruturação produtiva

  • Ângela Maria de Sousa Lima

Resumo

O artigo que se segue faz uma discussão sobre a relação entre trabalho e globalização. Para tanto, perpassa, rapidamente, pelo debate de alguns impactos da globalização sobre esse mesmo trabalho, hoje. Procura evidenciar que o capitalismo, embora apresente novas configurações organizacionais, não rompeu com suas características fundamentais de exploração. Um dos objetivos do texto é também demonstrar como a emergência da sociedade global e as modificações que esta tem provocado nas relações capitalistas de produção, principalmente no Brasil, têm levado à uma modificação da estrutura sindical.

##submission.authorBiography##

Ângela Maria de Sousa Lima

Docente de Fundamentos Sócio-Antropológicos da Educação no Instituto Superior de Educação Mãe de Deus. Especialista em Sociologia e Sociologia da Educação, pela Universidade Estadual de Londrina – UEL. Mestre em Sociologia Política pela Universidade Federal do Paraná – UFPR. Doutoranda em Ciências Sociais pela Universidade de Campinas - UNICAMP. E-mail: angellamaria@pop.com.br.

Publicado
2020-03-27
Como Citar
LIMA, Ângela Maria de Sousa. A “crise” do sindicalismo no contexto do neoliberalismo, da globalização e da reestruturação produtiva. Revista Terra & Cultura: Cadernos de Ensino e Pesquisa, [S.l.], v. 21, n. 41, p. 30-44, mar. 2020. ISSN 2596-2809. Disponível em: <http://periodicos.unifil.br/index.php/Revistateste/article/view/1265>. Acesso em: 17 abr. 2024.
Seção
Artigos