Modelos tradicionais de tratamento da depressão na análise do comportamento

  • Alana Onitsko Ferreira UniFil
  • Priscila Vicente da Silva UniFil

Resumo

O presente artigo abordará a depressão sob a perspectiva da análise do comportamento. Adiante, serão apresentados os tratamentos elaborados dentro da mesma perspectiva. A depressão pode ser caracterizada por sintomas como insônia, apatia, angústia, perda de prazer e interesse pela vida. É um dos transtornos psiquiátricos mais prevalentes no mundo, sendo vista como a quarta causa de incapacitação. As intervenções propostas neste trabalho apoiam-se em uma análise funcional de contingências ambientais. Os tratamentos abordados neste artigo são a ativação comportamental, psicoterapia analítico funcional (FAP) e terapia de aceitação e compromisso (ACT).

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Aluna do Curso de Pós-Graduação em Terapia Analítico Comportamental do Centro Universitário Filadélfia (UniFil). (E-mail: alanaonitsko@gmail.com)

##submission.authorWithAffiliation##

Aluna do Curso de Pós-Graduação em Terapia Analítico Comportamental do Centro Universitário Filadélfia (UniFil). (E-mail: privicentepsico@gmai.com)

Publicado
2020-06-30
Como Citar
FERREIRA, Alana Onitsko; SILVA, Priscila Vicente da. Modelos tradicionais de tratamento da depressão na análise do comportamento. Revista Terra & Cultura: Cadernos de Ensino e Pesquisa, [S.l.], v. 36, n. 70, p. 37-46, jun. 2020. ISSN 2596-2809. Disponível em: <http://periodicos.unifil.br/index.php/Revistateste/article/view/1001>. Acesso em: 06 ago. 2020.
Seção
Artigos